Maravilhosa palavra de Deus

11 de dezembro de 2016
11-12

“Abre meus olhos para que veja as maravilhas de sua lei”. Sl 119:18

A vida do Cristão precisa vivida em função daquilo que Deus diz. A palavra de Deus precisa determinar nosso credo, definir nossa identidade e conduzir nossos passos, pois ela é lâmpada para nossos pés e luz para nossos caminhos. Com ela devemos nos regozijar mais do que com riquezas (Sl 119:14); dela devemos nos alimentar mais que de pão (Mt 4:4).

Devemos entender que todas as coisas foram criadas pela palavra de Deus (Hb 11:3); pois Ele chama à existência coisas que não existem como se existissem (Rm 4:17). Deus, ao enviar sua palavra a Abraão com a promessa de que este seria pai de nações, mesmo já avançado de idade, assim como Sara a qual não apresentava vigor algum em seu ventre, simplesmente creu contra toda a esperança. Frente às circunstancias desfavoráveis não duvidou nem foi incrédulo em relação a promessa, mas foi fortalecido em sua fé e deu glória a Deus, pois estava convencido de que Deus era poderoso para cumprir o que havia prometido (Rm 4:18-21).

Pedro, provavelmente em seu primeiro encontro com Jesus, após uma noite toda de pescaria mal sucedida com seus companheiros, recebe a ordem de lançar as redes para a pesca. Ele foi enfático em afirmar que o faria pelo fato de que Jesus era quem o estava dizendo, ou seja, sua fé e obediência na PALAVRA de Cristo resultou em tamanha quantidade de peixes que as redes começaram a rasgar-se (Lc 5:4-7). Podemos também mencionar o oficial do rei, cujo filho estava doente e a beira da morte, simplesmente confiou na PALAVRA de Jesus e partiu. Depois evidenciou que a melhora do filho deu-se exatamente na hora em que Cristo proferiu Sua PALAVRA (Jo 4:48-53).

Cristo, quando tentado no deserto, vencera a satanás por meio da PALAVRA ( Lc. 4:1-13). Repreendeu os fariseus por não conhecerem as escrituras nem o poder de Deus (Mt 22:29). Orou ao Pai pedindo que nos santificasse por meio da verdade, e conclui dizendo: a tua PALAVRA é a verdade (Jo 17:17).

Diversos são os versos e exemplos que poderíamos citar para enfatizar o valor e importância da palavra de Deus, contudo estes exemplos já nos são suficientes para entender que a palavra de Deus é viva e eficaz; e caso queiramos viver o sobrenatural proposto pelo Senhor, nossos ouvidos devem estar focados em ouvir a voz de Deus do que a voz do mundo e das circunstancias que nos cercam. Devemos considerar a Bíblia, mais que um manual de regras, pois esta precisa ser tratada como um testamento, a qual nos informa de nossa herança em Cristo, ou seja, o que Ele fez por nos, o que Nele temos e quem Nele somos. Quando todas as circunstâncias estiverem desaforáveis, creiamos na palavra. Quando estivermos ser direção para qualquer situação em nossas vidas, que a palavra seja nosso norteador.

No segundo domingo de Dezembro, comemoramos o dia da Bíblia, e creio que a melhor forma de comemorar este dia é conforme diz o salmista, tendo prazer na lei de Deus e nela meditando dia e noite (Sl 1:2); para que desta forma o Senhor abra os nossos olhos espirituais para que contemplemos as maravilhas de sua lei (Sl 119:18).